PASSWORD RESET

Saiba como aplicar atividades para ensino especial

atividades para ensino especial

Certamente, há anos, políticas de inclusão vem sendo amplamente discutidas em todos os aspectos. Seja no ambiente escolar, no trabalho, comércio ou espaços culturais. No que diz respeito à educação, atividades para ensino especial são de importância inquestionável. Tanto para garantir educação igualitária e de qualidade para alunos com qualquer tipo de deficiência, quanto para vencer o preconceito. Claro, deve-se instruir todos que fazem parte do processo pedagógico. Saiba mais sobre atividades para ensino especial.

Importância de atividades para ensino especial

A luta por esses direitos, ganhou seu espaço em Assembleias Legislativas. Isto é, através da Comissão de Defesa do Direito das Pessoas com Deficiência, medidas que buscam ressignificar o espaço que compartilhamos, são estudadas e discutidas. Ademais, formas de garantir a devida infraestrutura em ambientes educacionais são protagonistas.

É indiscutível o papel da escola, independente do grau de ensino, no processo de formação do cidadão. Assim, para que as propostas sejam efetivas, deve-se investir em recursos e ferramentas que garantem o aprendizado e adequação do aluno. Também, a legislação exige que as escolas tenham professores preparados para educar alunos com necessidades especiais.

Além disso, segundo a constituição brasileira, é dever do Estado garantir atendimento especializado aos portadores de deficiência. Mas, afinal, o que é inclusão social? Siga a leitura.

O que é inclusão escolar

Geralmente, o termo costuma ser mais associado à alunos com alguma deficiência. Mas, inclusão escolar se refere ao acolhimento de todas as pessoas, independentemente de cor, classe social, sexualidade ou condição física e psicológica. Isto é, seja no atendimento escolar especial (AEE) ou na existência de rampas, elevadores, corrimãos e banheiros apropriados.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre a importância da inclusão escolar e implementação de atividades para ensino especial, veja 3 atividades que podem ser aplicadas dentro da sala de aula.

Atividades para ensino especial na sala de aula

Trabalho em equipe apesar das diferenças

Divida os alunos em grupos de 3 e escolha, para cada grupo, alguma deficiência a ser apresentada. Em seguida, divida a turma. Por exemplo, em um lado da sala, alunos com os olhos vendados. Em outro, o grupo que não pode ouvir.

Peça-os para instruir uns aos outros, a desenhar algum cenário. Assim, eles devem se comunicar e fazer o desenho juntos. Por fim, reúna a turma e pergunte a eles como foi a experiência.

Projeto da TV Cultura e Vila do Sésamo Workshop

Através de um site interativo, vídeos, jogos digitais e muitos outros materiais, o projeto investe na inclusão das crianças com deficiências. Ademais, há episódios especiais com os protagonistas do desenho Vila do Sésamo. Claro, a campanha transmídia é reconhecida internacionalmente. Além disso, direcionado para os educadores, é oferecido um pacote de materiais e curso de formação para capacitar o docente. Saiba tudo sobre o projeto.

Atividade com abafadores de ruído

O professor irá apresentar a turma, as dificuldades vivenciadas por crianças com deficiência auditiva, em ambientes que não são adaptados. Para que os alunos possam entender, irão usar abafadores de ruído durante 15 minutos da aula.

Assim, devem fazer leitura labial para tentar entender o que está sendo falado. Certamente, enfrentarão dificuldades. Logo após, o professor deverá pedir que o aluno conte sua experiência, através da produção de um texto.

Leave A Reply

Your email address will not be published.