PASSWORD RESET

Mais de 20% das matrículas nas faculdades brasileiras são de EaD

O ensino a distância está cada vez mais se expandindo e, consequentemente, vem se tornando a opção mais escolhida entre os brasileiros.

matrículas EAD

A modalidade que também é defendida pelo presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL), pode ser adotada — desde novembro — parcialmente no ensino médio que é considerada uma etapa obrigatória do ciclo de educação básica.

De acordo com as novas diretrizes curriculares para o ensino médio, que foram aprovadas em novembro, o uso do EaD é limitado em até 30% da carga horária para os cursos noturnos, 20% para os diurnos e até 80% os de Educação de Jovens e Adultos (EJA). Sendo assim, para essa prática ser adotada, os estados precisam da aprovação dos conselhos locais e isso está previsto para acontecer já agora no ano de 2019.

Carlos Longo, diretor da Associação Brasileira de Educação a Distância (Abed), afirma que a estimativa é de que até 2023 se tenha mais alunos em EaD do que em cursos presenciais no ensino superior. Ele também diz que “também apostamos que a idade média do aluno vai cair porque o modelo é atraente”.

Desde de 1996, de acordo com a Lei de Diretrizes e Bases, essa modalidade é ofertada no ensino superior por meio de cursos de graduação e pós-graduação. Com a assinatura do decreto 9.054/17 no ano passado, as instituições já credenciadas puderam expandir o seu número de pólos sem a autorização prévia do Ministério da Educação. Portanto, até 2016 — momento que antecede tal decreto — havia por volta de 4.000 polos ofertando cursos EaD para a população.

Em comparação, hoje em dia já passam de 15 mil polos oferecendo esses cursos e as matrículas na modalidade tiveram um enorme crescimento. Segundo o Censo da Educação Superior 2017, entre os anos de 2016 e 2017 o número de ingressantes em cursos superiores de ensino EAD cresceu 27%. Somente no ano passado 253 mil alunos completaram sua graduação em EAD. O Censo também apontou que atualmente se tem pelo menos 258 instituições que oferecem 2.112 cursos a distância, uma grande diferença em comparação com os 849 cursos que eram oferecidos três anos atrás.

Sendo assim, nós do Manual do Professor, aconselhamos que no meio de tanta opção é preciso se certificar de escolher bem a sua instituição de ensino.

matrículas EAD

Leave A Reply

Your email address will not be published.